VAMOS FALAR DE MEMÓRIA!

MÊS DE SETEMBRO: MÊS MUNDIAL DA DOENÇA DE ALZHEIMER
21 DE SETEMBRO: DIA MUNDIAL DE ALZHEIMER

No mês mundial de conscientização da Doença de Alzheimer, é importante falarmos sobre a MEMÒRIA, queixa cada vez mais frequente nos consultórios. A memória é um complexo biológico e psicológico, formada por uma imensa rede de conexões neuronais entre áreas nobres e especificas do cérebro. O nosso cérebro sofre influencia em toda a vida a partir da educação, alimentação, acolhimento emocional, condução das informações, hábitos de vida (fumo, álcool), atividade física, atividade cerebral, socialização.

Falhas de memória podem acontecer em qualquer idade, mas se não há outra função cognitiva prejudicada e não há prejuízo na funcionalidade, poderá existir algum outro motivo. A atenção é a primeira fase da memória e se há falha, a informação poderá ser perdida. É fundamental a concentração e o foco em qualquer atividade que estejamos fazendo.

No envelhecimento, as doenças crônicas que estejam descompensadas como o diabetes, depressão, distúrbio do sono, podem trazer prejuízo. O fator emocional é fundamental e saber enfrentar as situações da vida, ter resiliência e fé para uma boa saúde mental.

É importante perceber essas falhas de memória, eliminar fatores de risco, cuidar da saúde geral, e cuidar bem de nosso cérebro. Essas são as principais orientações na prevenção.

Dra. Carla Núbia Borges
Médica geriatra
Mestre Ciência da saúde
Diretora Cientifica da Associação Brasileira de Alzheimer
Professora do curso de medicina da UNICAP
Diretora médica do Geriatrie e Geriatria no Lar
Membro Câmara Técnica do CREMEPE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *